Palavras de Alento

29 de dez de 2011

Encaixotando 2011

Foi um ano complicado: Tenso. Penoso. Sofrido. Duro. Um ano de aprendizagens que ficarão pro resto da vida. Um ano de perdas irreparáveis, nas quais tive que buscar forças sei lá aonde para apoiar quem necessitava mais do que eu. Em alguns momentos esqueci de mim, de minha dor, e fui doar meu ombro a quem precisou de meu apoio, de minha maldita experiência com a Dona Morte.
Perdi um tesouro precioso, que passou 36 anos alegrando meus dias. Ainda estou aprendendo a viver sem ele, mas hoje tenho a consciência de que ele continua vivo em outro plano e que um dia certamente receberei de novo seu abraço, quando for a minha hora de partir.
2011 foi um ano padrasto. Mas a gente aprende e cresce com as dificuldades. Sempre foi assim comigo. Acredito que isso tudo fez nascer em mim uma vontade enorme de ser uma pessoa melhor, de ajudar quem precisa, de estar presente na vida daqueles a quem amo, de ser mais paciente, mais tolerante, mais compreensiva, mais companheira, enfim, mais humana.
Não escrevi a famosa lista com "resoluções de ano novo", como costumeiramente o fazia. Não tenho expectativas para 2012. Quero apenas ter saúde e ver aqueles a quem amo saudáveis e felizes. Quero fazê-los felizes, me fazer presente e espalhar alegria e o amor que sinto, porque o amor é pra ser compartilhado, é pra transbordar.
Mas não vou ficar apenas reclamando, sou grata por ter conseguido escrever minha monografia e concluir minha segunda Especialização. Foi difícil, foi no meio do processo, mas deu tudo certo.
Agradeço a Deus por ter me tornado uma pessoa mais forte com as vivências do ano que se finda. Agradeço pela vida e pela saúde do meu pequeno, da minha mãe, da minha irmã, do meu sobrinho e de todos os familiares que como eu, ficaram desolados com a perda de Crístian.
Agradeço aos amigos queridos pela força, pela presença, em especial a Toni e Mel (minha alma gêmea se dividiu em três, fazer o quê...). E a Luiz Paulo, simplesmente por ter insistido em ficar, mesmo quando eu achava que não queria. Fez uma diferença enorme, eu nem sabia o quanto precisava. A gente ainda tem muita coisa pra viver, meu bem! Peço para o bom Deus nos conceder a graça de ter o nosso filhinho (que não pôde vir dessa vez), e que fortaleça nosso amor e nossa fé!

Um abraço fraterno a todos, carregado de energia positiva.

Vou receber 2012 assim, de braços abertos, na esperança de dias melhores.

15 Recadinhos

ღα૨gѳђ ખ૯૨ท૯૮ઝܟ

comentou...

E que um coro de ^A^njos digam Amém!

Toda sorte pra voce...

Beijao

29 de dezembro de 2011 09:45
Responder
Kátia Tourinho

comentou...

Minha Amiga, mais uma vez, me emocionei.
Lindo post, rico em experiência de vida.Com certeza, 2012 será um ano "mãezona", daquelas que presenteia com o melhor de seu amor, para vc e sua família. Assim seja!
Não posso deixar de registrar o quanto este ano foi importante no fortalecimento de nossa amizade. Nossa parceria no trabalho nos brindou com descobertas pessoais, que me fez admirar mais ainda o ser humano que vc é.
Mil felicidades no novo ano com seu AMOR MAIOR chamado Bento,seu BEM e toda sua família.
Amo vc! Bjokasssssssss

29 de dezembro de 2011 10:33
Responder
A viajante

comentou...

Amiga, feliz 2012!!! Vai ser um ano maravilhoso...leve, calmo, alegre! E estarei por perto pra quando precisar desabar, sorrir, animar-se.
Te amo, amiga! Bj

29 de dezembro de 2011 12:16
Responder
Luiz

comentou...

Você está aqui do meu lado, agora, enquanto escrevo o comentário. Vai ver que é por isso que estou lutando contra as lágrimas que estão querendo correr pelo rosto. Caso contrário você diria: "Você é babaca é Luiz?". Em que pese ter passado a adorar ouvir esta frase, hoje não é dia de lágrimas. Afinal, é hora de almoço em família. Pois bem Paty... 2011, com todas as dificuldades que passamos juntos, foi um ano bom. Bom em aprendizado, bom por ter convivido contigo, por ter sentido o teu amor. Sem dúvidas ainda temos muito o que viver e vida para gerar. Que Deus nos abençoe e nos mantenha sempre amantes em paz. Te amo!

29 de dezembro de 2011 13:20
Responder
Anônimo

comentou...

Paty, pela primeira vez sinto coragem para escrever no seu blog, embora tenha lido a maioria dos seus textos. Atribuo a isto talvez o fato de me sentir mais forte hoje ou .
Para concluir meu cometário resolvi reproduzir abaixo um texto que coloquei no face de Emanuelle:
"Ely, esse ano foi realmente difícil, não só para mim, mas para muita gente que conheço, não só pelas difíceis despedidas, mas também por outras experiências tão dificeis quanto. Tenho a certeza de que o ano de 2012 será bem melhor. Não posso reclamar desse ano que se vai, pois, as experiências, as mudanças internas e externas que vivenciei certamente mudou a minha forma de ver, de encarar os obstáculos, de pensar... Enfim, peço a Deus que continue me dando a força necessária para continuar a trilhar meu caminho, da melhor forma possível. Espero, ainda, que em 2012 possa continuar a vivenciar novas experiências, dessa vez menos sofridas, por favor, para, assim, dar continuidade ao meu aprendizado e amadurecimento, afinal, as experiências alegres e tristes servem para isso, não é!?! Desejo a você, a mim, a nossas famílias e a nossos amigos muita SAÚDE, RESIGNAÇÃO, PACIÊNCIA, SUCESSO E DINHEIRO. E que venha 2012. bjos"
É isso, que venha 2012, e que ele renove nossas esperanças e projetos de vida.
Bjos, minha cunhada.

29 de dezembro de 2011 14:28
Responder
...Laís Spósito...

comentou...

Excelente reflexão! Que 2012 venha assim como vc desejou, cheio de saúde e amor para você e todos que vos cerca! Abraços!

29 de dezembro de 2011 14:35
Responder
Antonio de Aruanda

comentou...

Eu não tenho muito a escrever... Amo você.

29 de dezembro de 2011 16:16
Responder
Carol

comentou...

Por que o amor é pra ser compartilhado,é pra transbordar! Eu amei isso!
E que venha dois mil e doze,como diz renato russo:
"Temos muito ainda por fazer,nãolhes pra tás apenas começamos,o mundo começa agora,apenas começamos!

30 de dezembro de 2011 00:14
Responder
A.S.

comentou...

Paty,

Um ano pleno de realizações, alegria, paz e amor!...

Beijos,
AL

30 de dezembro de 2011 15:19
Responder
Lena

comentou...

Linda e doce Paty,

"Cada pessoa que passa em nossa vida, passa sozinha, é porque cada pessoa é única e nenhuma substitui a outra! Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha e não nos deixa só porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós. Essa é a mais bela responsabilidade da vida e a prova de que as pessoas não se encontram por acaso". (Charles Chaplin)

Obrigada por sua companhia nesse ano que se finda! Feliz 2012!!!!

30 de dezembro de 2011 15:48
Responder
Vera Lúcia

comentou...

Minha linda e doce Paty,

O que passou, passou. Você se fez forte e amadureceu. Teve alegrias e tristezas. Mas o novo ano se aproxima e com ele novas esperanças despontam.

Desejo que em 2012 você:
Crie sonhos.
Corte as tristezas.
Modele planos.
E viva muitas alegrias!

PAZ, HARMONIA, SUCESSO, PROSPERIDADE E MUITO AMOR!

FELIZ 2012!

BEIJOS.

30 de dezembro de 2011 16:37
Responder
Jemilly

comentou...

Te amo!
É só o q consigo dizer depois de tão lindas palavras...<3

30 de dezembro de 2011 20:47
Responder
Sheila Carine

comentou...

Ai amiga sem palavras!!! Adoro vc e como vc msm falou: vc foi uma das melhores aquisicões que ocorreram naquela pós!!!! Feliz 2012

30 de dezembro de 2011 21:51
Responder
Paty Michele

no comando :)

Amigos queridos
Não me restam dúvidas de que uma das melhores coisas desse ano que se vai, foi o contato, ainda que virtual, com vocês. O apoio, as palavras de carinho e conforto nos momentos difíceis me mostraram que nós não estamos sós e que a amizade é o maior bem que o ser humano constrói.
Um abraço forte, na certeza de 2012 vai sorrir pra nós!

31 de dezembro de 2011 15:10
Responder
Paty Michele

no comando :)

Eu adoro reler esse post e os comentários de vcs. Sinto uma força enorme dentro de mim.


Obrigada por tudo, meus amigos.

30 de maio de 2012 20:30
Responder

Postar um comentário

Se impressionou? Então me conte!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...