Palavras de Alento

9 de dez de 2010

Se a Moda Pega...

Anteontem, dia 7 foi anunciado um aumento nas tarifas do falido e precário sistema Ferry Boat, prevendo uma novidade nada boa: Cobrança de 50% a mais nos horários de pico, e o mesmo percentual de desconto nos momentos em que quase ninguém atravessa. Tal qual a Bandeira Dois dos taxis e a tarifa aplicada à telefonia fixa. Ainda segundo a assessoria da empresa, a variação de tarifas está prevista no contrato de concessão. 
Na minha opinião, um oportunismo, visando extrair o máximo de lucro possível, enquanto aquilo lá ainda existe (sim, a ponte não é mais um sonho, afinal a copa de 2014 vem aí...).
Fato é que o aumento prejudica aqueles que se deslocam diariamente da Ilha de Itaparica pra Salvador e vice versa.
Imagine se a moda pega: Barzinhos cobrando mais caro nos fins de semana e no happy hour, mas dando desconto segunda-feira pela manhã; Parques de diversões baratíssimos de madrugada, mas na hora da matinê as crianças pagariam inteira! E por aí vai...
Para a felicidade geral daqueles que curtem a ilha, a Secretaria de Infra Estrutura do Estado interveio afirmando que a AGERBA não regulamentou a cobrança de tarifas variáveis e que o aumento não é legal. Sob protestos, a TWB, que já praticou o aumento no feriado de ontem, teve que voltar atrás, e o referido reajuste foi adiado para fevereiro do ano que vem.
Ufa! Que venha a ponte, pois penso mil vezes em atravessar pra ver a família em Nazaré justamente por conta dessa travessia chata, cara, lenta e sem conforto.

4 Recadinhos

Antônio Henrique

comentou...

Q coisa chata, as pessoas sempre estão aumentando tarifas, assim como os alimentos. espero que essa moda não pegue. gostei do texto interessante bem escrito e informativo.

bjos, luz na sua vida.

10 de dezembro de 2010 09:24
Responder
A viajante

comentou...

Ai, Patiinha..só em falar em ferry boat já estou enjoadinha....credo, odeio tudo o que flutua...sou uma viajante que prefiro ser transportada pela terra ou pelo ar. Bj

10 de dezembro de 2010 12:22
Responder
Luiz

comentou...

Pense em um absurdo!? Na bahia tem precedente. Ai está a prova disso.

10 de dezembro de 2010 15:25
Responder
Kátia Tourinho

comentou...

Aff... eu que já acho um inferno a travessia, agora não quero nem ouvir falar. Um absurdo mesmo! Bjs

10 de dezembro de 2010 17:17
Responder

Postar um comentário

Se impressionou? Então me conte!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...