Palavras de Alento

29 de jul de 2011

Do Fascínio Pela Academia

Já não é de hoje que eu tento me enfronhar pelas tortuosas vias do mundo acadêmico. Quem me conhece sabe desse desejo antigo, engavetado em 2007 por conta da inesperada, porém desejada, gravidez de Bento. Depois veio a maternidade e todo o processo que faz o mundo das mães girar em torno da cria.
Ano passado voltei a estudar, e a partir daí senti fôlego para lançar-me novamente rumo ao mestrado. Durante essa semana, assistindo às apresentações dos TCCs dos colegas, minha vontade de estar infiltrada nesse ambiente de produção de conhecimento só aumentava. Apreciar as considerações de uma banca é tenso, porém instigante. Há muita vaidade no meio acadêmico, é verdade, às vezes parece que é muita estrela pra pouco céu, mas admiro esses profissionais que, muitas vezes, abrem mão da sua vida pessoal para se dedicar às ciências.
Não que eu pretenda abrir mão da minha família, isso está totalmente fora de cogitação. Acredito que podemos ser multi, poli, pluri e desempenhar papéis distintos em nossas vidas, sem ter que abrir mão de (quase) nada. Isso porque eu não sou baladeira e me conformo com uma vida social pacata, praticamente familiar. 
Mas para a concretização desse ideal é preciso contar com uma rede de apoio, na qual coexistam alguns personagens, tais como um companheiro que tenha os mesmos objetivos, amigos e familiares que assimilem bem a ausência nos encontros, um ex marido presente na vida do filho (não na minha, claro!) e uma boa diarista, daquelas silenciosas, que limpam tudo e vão embora, sem atrapalhar minhas leituras. 

Ah, como é bom sonhar... mas eu chego lá!

9 Recadinhos

A viajante

comentou...

Torcida é que não falta...vamos lá! Quero que faça o mestrado, depois o doutorado e viajaremos mundo afora, para o pós-doc! Ah..como é bom sonhar...mas nós chegaremos lá!

29 de julho de 2011 19:00
Responder
Sheila Carine

comentou...

Amiga, vc já chegou.............. beijos

29 de julho de 2011 20:50
Responder
Catia Bosso

comentou...

Que legal, amiga! Tu ja ta muito perto...


bj.

29 de julho de 2011 21:57
Responder
Vera Lúcia

comentou...

Oi Paty,
Não só sonhe, mas corra atrás, realize.
Vá em frente e você obterá sucesso. O filho é importante, mas é criado para o mundo e você precisa ter a sua vida, uma profissão, sua independência.
Beijos.

29 de julho de 2011 22:58
Responder
Luiz

comentou...

Meu bem, quase tudo conspira para o seu sucesso. Mas a diarista... Beijos

29 de julho de 2011 23:22
Responder
Martine

comentou...

Manter o espírito positivo é o importante! :)

30 de julho de 2011 05:34
Responder
Van

comentou...

Toda mulher é multi, poli, pluri, e você vai chegar lá, seu desejo é meio caminho andado.

Sucesso Paty!

Disposição e dedicação, Paty!

Beijos!

30 de julho de 2011 12:34
Responder
Ventura Picasso

comentou...

Muito bem Paty:
O sonho é o abre alas do objetivo. A vida acadêmica é como vc descreve. A sua visão crítica da realidade é perfeita. Interpretando bem a 'conjuntura' e convivendo com as adversidades a caminhada é suave. "Deixe a vida te levar". Gostei do texto, valeu...

30 de julho de 2011 19:47
Responder
Kátia Tourinho

comentou...

Amigaaaaaaaaa, vc vai conseguir realizar tudo que quer neste mundo acadêmico.
Competência e disposição não lhe faltam. Bjssssssssssssssss

1 de agosto de 2011 22:41
Responder

Postar um comentário

Se impressionou? Então me conte!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...