Palavras de Alento

4 de mai de 2013

Somos tão jovens


Ver esse filme foi uma verdadeira viagem no tempo. Frases, sons, imagens, mensagens, cheiros, sabores e sentimentos vieram à tona, porque a trilha sonora da minha adolescência foi cantada por Renato Russo. Eu e meus amigos vibrávamos a cada novo disco, esmiuçávamos a vida do nosso ídolo e tentávamos viver conforme a sua lei. Éramos os rebeldes da cidade, bebíamos muito, vestíamos preto e ouvíamos rock'n roll. Um escândalo para uma cidadezinha pequena de interior.
Pra quem conheceu essa história, ou viveu parte dela, o filme tem o poder de transportar e emocionar o espectador-fã. Thiago Mendonça, o protagonista, está impecável nos trejeitos, no modo de falar e transmitir a verdade de Renato, sua poesia e seus pitis. O filme mostra que os gênios já nascem gênios, se destacam desde cedo, se incomodam, se questionam, se inquietam perante a vida.
Lembrei de meu irmão.
Em 1990 tivemos a oportunidade rara e única de conhecer a Legião Urbana em uma de suas vindas a Salvador. O pai de uma amiga trabalhava num grande hotel aqui da cidade, onde banda se hospedou. Eu, meu irmão, e mais um casal de amigos demos plantão nesse hotel à espera de nossos ídolos e conseguimos conhecer todos eles. Dado Vila Lobos foi o primeiro, estava com a mulher e dois filhos pequenos, indo pra piscina. Foi simpático e tirou fotos com a gente. Abordamos Bonfá na volta da praia, com o cabelo bagunçado, de chinelos e também se deixou fotografar conosco. 
O encontro com Renato Russo foi apoteótico. Lembro de meu irmão, então com 16 anos, abraçando-o e comparando sua altura com a do nosso ídolo, que parecia enorme no palco, mas na verdade não passava de 1,60m. Queríamos autógrafos, e Renato brincou, perguntando se aquilo valia dinheiro em nosso planeta.
Foi o ponto alto de nossas vidas. Um momento inesquecível!
As lembranças desses dois shows surgiram no final do filme. No momento em que aparecem as imagens originais da banda, a lembrança de meu irmão, meu companheiro nessas aventuras, apareceu também. 
Eu o vi tocando guitarra como Dado, com seus braços fortes e bem torneados expostos nas camisas com mangas cortadas por ele mesmo. O vi no corte de cabelo de Dado, na carinha de menino. Nas apresentações de sua banda, onde eu ficava na primeira fila e depois ajudava a carregar os instrumentos pra casa. Nas camisas brancas, compridas folgadas, em tamanhos maiores que o seu, e na dança esquisita de Renato, que Crístian reproduzia tão perfeitamente.
Ambos morreram aos 36 anos. Foi também o que lembrei, e pelo que chorei. 

Éramos tão jovens...


35 Recadinhos

Belinda

comentou...

Cara que show!! você conheceu o Renato????? Eu na época era fã das músicas, não ligava muito para quem cantava... era influencia do meu pai que nunca se ligou em ir em um show dos caras, por mais que tivessem feito vários em Curitiba..vi o filme ontem tb e já postei sobre ele no meu cantinho..espero sua visita
beijos e bom final de semana
http://pactodacinderella.blogspot.com.br
Twitter - @Belinda_cind

4 de maio de 2013 11:32
Paty Michele

comandando... ♥

Conheci sim, Belinda, e foi um momento mágico!

Tô indo lá ler seu post.

Um beijo.

4 de maio de 2013 12:00
Responder
✿ chica

comentou...

Ainda não vi, mas deve ser legal mesmo! Ele se foi tão jovem, com tudo pela frente! beijos, lindo fds!chica

4 de maio de 2013 11:34
Paty Michele

comandando... ♥

Esse refrão vai sempre tocar:
"Tão jovens..."

Um bjo, Chica.

5 de maio de 2013 16:41
Responder
Antonio Pereira Apon

comentou...

Olá Paty.

Fora de comentários. Legião urbana e em especial o Renato Russo. Foi, é e sempre será! Os outros são os outros. Só não gosto quando atribuem ao meu poema: A pedra. A autoria do Renato. Coisa desses plagiadores da internet.

Um abração e bom fim de semana.

4 de maio de 2013 11:54
Paty Michele

comandando... ♥

Antonio,
Renato inspirou muitas pessoas. Meu irmão compôs várias canÇões e algumas delas bastante parecidas com as obras dele.
Vou conferir seu poema, mas acho que já o conheço.

Um abraço.

4 de maio de 2013 12:06
Responder
Naty

comentou...

Uaaaau!!!
Você conheceu o Renato! Tirou foto com ele! Que máximo!!!!
Hoje um programa aqui do sul( o Patrola) fez uma matéria super legal sobre a estréia do filme. Entrevistou o Thiago, o Dado e o Bonfá. E a vontade de assistir só aumentaaaaaaa!!

Bejão e um ótimo final de semana!

4 de maio de 2013 12:14
Paty Michele

comandando... ♥

Naty, se eu não visse esse filme ontem, eu morria!!!!
kkkkkkk
Veja com os olhos de fã, sem se preocupar com detalhes técnicos e cinematográficos. Assim é melhor.

Conheci a banda em 1990, aqui em Salvador, pena que as fotos se perderam no tempo.

Um bjão.

4 de maio de 2013 12:18
Responder
Maria Adeladia

comentou...

É tão maravilhoso conhecermos pessoas que admiramos!Que bom que vc realizou o sonho de estar tão próxima de um ídolo,ainda mais na fase da adolescência...que é um momento lindo!Poxa, deve ter vibrado muito de tanta felicidade!!!
O Renato Russo se foi tão novo...!
Ainda não vi o filme, mas pelo que vc fala, deve ser bem emocioante.Beijos Paty e um bom fim de semana.

4 de maio de 2013 12:59
Paty Michele

comandando... ♥

Vc nem imagina o quanto aquele dia foi significativo pra todos nós.

Vá ver o filme, é mto legal.

beijos!

5 de maio de 2013 21:55
Responder
Antônio Aruanda

comentou...

Não tenho o que dizer agora, meu bem... Estou chorando.

5 de maio de 2013 01:09
Paty Michele

comandando... ♥

assista, amor, assista.
bj

5 de maio de 2013 16:40
Responder
Sheila Carine

comentou...

Oi amiga


Não sei o que te dizer neste momento mais saiba de uma coisa: adoro-te. Beijocas

5 de maio de 2013 18:58
Paty Michele

comandando... ♥

Amiga linda,

saudades de ti.

beijos.

8 de maio de 2013 18:02
Responder
A viajante

comentou...

Ai, Patiiinha... cheguei super emocionada e não resisti... tinha que vir aqui conferir sua experiência com o filme. Só que o meu foi diferente!!! Amei também, a interpretação do protagonista. E a Aninha, que sortuda, hein? Música linda! Beijo, amiga!

6 de maio de 2013 00:14
Paty Michele

comandando... ♥

Ô amiga, é emocionante demais,pra quem é fã de verdade.

Cada um faz sua leitura, sua viagem, enfim, vive seu momento com o filme.

Eu sempre ouvi a música e tentava imaginar quem seria essa figura.

Um bjo.

6 de maio de 2013 22:10
Responder
Mamãe Nádia

comentou...

Oi querida!
Fazendo minha visitinha do final de semana, por aqui...
Aproveito pra te convidar pra passar lá no meu blog pra ver os 2 vídeos novos que postei, e também pra participar da BC de dia das mães que acontecerá no domingo que vem!
Conto com sua participação!
Beijos!

www.asosmamaenadia.com

6 de maio de 2013 00:33
Paty Michele

comandando... ♥

Nádia, vou pensar, pq tbm estou programando uma postagem para o dia das mães.
Um abraço.

6 de maio de 2013 22:11
Responder
Ana Virgínia

comentou...

Achei belo o seu post.
Não sabia desse filme.
Amoo Legião Urbana também.

Já temos um novo tema do blog Fotos de Quinta para o mês de maio. O tema é: Igreja.

Te espero lá.

http://fotosdequinta.blogspot.com.br/2013/05/document.html

Nosso grupo no facebook: http://www.facebook.com/groups/fotosdequinta/

Bjo.

Ana Virgínia

6 de maio de 2013 23:22
Paty Michele

comandando... ♥

Oi Ana
quem é fã não pode perder esse filme. rsrs

Já estou preparando minha foto, Salvador tem igrejas lindas.

Um bjo.

8 de maio de 2013 17:59
Responder
Patricia Galis

comentou...

Nossa e com o curti, já ouvi falarem bem e mal do filme, mas da genialidade do Renato e suas composições nunca, assim que passar na minha cidade quero ver...eita saudades.

7 de maio de 2013 09:59
Paty Michele

comandando... ♥

Pat Galis, veja o filme e tire suas próprias conclusões.
Fã é fã, crítico é crítico. Eu sou fã.

Um bjo.

8 de maio de 2013 18:00
Responder
Vinícius Silva

comentou...

Enfim estou de volta.. Já estava com saudades daqui..rsr

7 de maio de 2013 21:23
Paty Michele

comandando... ♥

Opa, que bom!

Um beijo, Vini.

8 de maio de 2013 18:01
Responder
Lu Cidreira

comentou...

E tem gente que diz que quem vive do passa é museu. É tão bom quando as lembranças dos áureos tempos que tínhamos o que falar e dizer, hoje temos historias para contar. Você faz isso aqui e com bons modos em descrever.
Muito bom mesmo.
Abraço

8 de maio de 2013 20:39
Paty Michele

comandando... ♥

Muito obrigada pelas palavras de carinho, Lu.
Amo recordar as coisas boas que vivi. É como vivê-las novamente.

Um abraço.

8 de maio de 2013 20:47
Responder
Jéfferson B. Cezimbra

comentou...

Olá Paty.
Vim aqui agradecer a visita e comentário em meu blog.
E vc, não vai postar foto no desafio de quinta?
Estou me tornando um seguidor do seu blog, ok?
Abraço

8 de maio de 2013 20:42
Paty Michele

comandando... ♥

Oi Jéfferson
Obrigada pelo retorno.
Olha, vou publicar amanhã, pq o desafio é para as quintas-feiras.
rsrsr

Um abraço.

8 de maio de 2013 20:49
Jéfferson B. Cezimbra

respondeu...

Tá certa kkkkkkk
Abraço

8 de maio de 2013 20:53
Responder
Vera Lúcia

comentou...


Olá querida,

Você emocionou com esta sua postagem. Inevitável as lembranças associadas ao filme. Ainda bem que você e seu irmão tiveram a oportunidade de vivenciar momentos marcantes e que serão eternos para você.

Beijão.

8 de maio de 2013 22:34
Paty Michele

comandando... ♥

Ah, Vera, lembranças de momentos bons eu tenho milhares.

Um beijão pra vc tbm.

9 de maio de 2013 13:19
Responder
Sérgio Santos

comentou...

Paty, coincidentemente, eu fui ver o filme hoje. Lindo demais e já teria valido só pelas músicas. Que cantor excelente e que banda incrível. Todas as músicas marcaram. Eu adorei o filme e o Thiago parece que incorpora o cantor. Imagino a sua emoção ao ver o filme e relembrar de tudo isso.

ps: sim, escrevi sobre a novela. Dá uma descida lá que vc acha. Tb escrevi sobre um programa da tv paga. bjssssssss

9 de maio de 2013 01:42
Paty Michele

comandando... ♥

Emoção demais, Sérgio!!!

Vou lá no seu blog ver o post da novela.
beijo.

9 de maio de 2013 13:21
Responder
Mãe Mochileira,Filho Malinha

comentou...

Me emocionei c seu post..de verdade.Não pela banda,pois confesso que nunca curti mt o som deles,mas tenho maior respeito pelos fãs,pois sei que o que a banda representa na vida de mt gente..e justamente por isso q me emocionei..na relação dela com a sua vida e de seu irmão..quando uma coisa faz parte meeesmo da vida de uma pessoa,elas se misturam e fica dificil separar tudo..
beijos e uma otima semana...

9 de maio de 2013 09:58
Responder
Roberta

comentou...

Nossa emocionante o relato Paty, assisti ao filme e amei, não tive contato com Renato peguei o fim de tudo, mas amo as músicas dele.

Mais uma vez me emociono com vc...

Ah minha linda um feliz dia das mães pra vc
beijos no coração <3

11 de maio de 2013 20:57
Responder

Postar um comentário

Se impressionou? Então me conte!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...