Palavras de Alento

19 de jul de 2014

Nasceu!


Amora, a menina doce como a fruta, nasceu num fim de tarde de domingo, medindo 47,5cm e pesando 2,800kg. Rodeada de amigos e parentes, o Amor se fez presente. 
Estamos em casa, naquele processo de adaptação, ajustando horários e a nova rotina da casa, totalmente voltada para o bem estar da pequena.
A mamãe aqui anda sem tempo, com o sono atrasado, aprendendo a ser mãe de dois, a driblar o ciúme do irmãozinho e a multiplicar a paciência. Perdoem a ausência. 
Compartilho com vocês um poema de autoria de um grande amigo do papai, para Amora, e algumas imagens feitas enquanto esperávamos pela hora do parto. 

Poema de boas vindas para Amora

Chegou a aurora,
Chegou, chegou!
Trazendo as promessas d’outro dia:
Novos sonhos, versos e poesias...
 
Chegou co’a flora,
Chegou, chegou!
No inverno, anunciando a primavera:
Orvalhos translúcidos, flores etéreas.
 
Chegou agora,
Chegou, chegou!
E mal chegou, já pressentia,
Que trazia tanta, tanta alegria.
 
Chegou em boa hora,
Chegou, chegou!
Chegou como um amanhecer,
Exatamente quando tinha de ser.
 
Sem pressa e sem demora,
Chegou, chegou!
Nas linhas que a mãe teceu,
Um bordado de carinho tão só seu.
 
Há tanto o papai a namora,
E chegou, chegou!
Veio crescendo como lua,
No céu do ventre, numa noite só sua.
 
Com a benção de nossa senhora,
Chegou, chegou!
A irmãzinha aguardada de Bento,
Fruto de um amor delicado e atento.
 
Chegou Amora,
Chegou, chegou!
Com os anjos de luz e a bênção do senhor,
Com Amora amanhecemos d'amor.

(Thiago Marques Leão, Sorocaba, 07/07/2014)

Parte dos amigos que estiveram na maternidade.
As avós.
Algumas imagens falam por si... olha a cara do pai!
Momentos antes de ser "cortada".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...