Palavras de Alento

31 de dez de 2012

Venha 2013!

366 dias ficam para trás. No comecinho havia esperança e o coração aberto para receber o que viesse de novo, além de um desejo enorme de que viessem coisas boas. Entrei 2012 sem expectativas e até com um pouquinho de medo. O ano anterior havia sido pesado e a única coisa que eu pedia a Deus era que 2012 fosse mais leve e mais amável comigo.
E assim foi!
Foi um ano relativamente tranquilo, se comparado aos anteriores. E certamente foi um ano melhor, com algumas conquistas importantes, crescimento interior e mudanças no sentido de encerrar etapas.
Então eu quero entrar 2013 com a mesma leveza, o coração aberto e a mente focalizando o bem. 
Os rituais da passagem são simples: usar roupa branca para atrair PAZ, detalhes dourados pra que haja PROSPERIDADE e pessoas queridas do meu lado, para que o AMOR esteja presente todos os dias. 
Promessas de ano novo eu não faço mais. Agora faço promessas pra vida toda. E pra essa vida o que eu quero mesmo é CUIDAR, no sentido amplo da palavra. Cuidar do que sinto, do que faço, do que penso, do que desejo. Cuidar de mim, da minha saúde, do meu filho, do meu marido, da minha irmã, da minha mãe e do meu sobrinho. 
E na medida do possível, tentar cuidar um pouquinho também dos amigos e demais familiares, além de cuidar do meu blog, claro, e isso significa estar próxima dos amigos blogueiros, levando meu carinho para cada um.
Desejo a todos um ano iluminado, onde o cuidado esteja presente em todas as nossas ações. Um grande beijo a todos e o meu Muito Obrigado por vocês terem feito parte da minha vida em 2012.
Brindemos juntos por 2013!

24 de dez de 2012

Presentes impossíveis (Se vira, Papai Noel!)

Ontem enfrentei a maratona nos shoppings (fui a dois) e finalizei a compra dos presentes de Natal. Confesso que fiz isso meio a contragosto, estava super cansada por causa da mudança, mas mesmo assim fui. Eu sugeri um amigo secreto, onde cada um compraria apenas um presente, mas não aceitaram. Então comprei os presentes, porque detesto chegar de mãos vazias, ou ser do contra na festa alheia.
Mas a indignação veio mesmo porque presenciei uma discussão absurda numa loja de brinquedos. Como as pessoas perdem a cabeça por tão pouco. Esqueceram totalmente do verdadeiro sentido do Natal. Lamentável.
Eu avisei que não quero presente. Graças ao bom Deus, estou satisfeita com o que tenho e na verdade acho que tenho até demais. Não sou rica, mas pra ser feliz eu não preciso de muito. 
Se fosse pra ganhar um presente que me agradasse mesmo, eu ia dar um trabalhão a Papai Noel. Ia querer ganhar SAÚDE comendo bobagem, ia pedir pra NÃO ENGORDAR, independente do que comesse, desejaria SER SEMPRE PACIENTE e nunca mais ME ESTRESSAR. 
Mas aí fico pensando que seria injusto não dividir essas maravilhas de presentes, pediria ao bom velhinho que trouxesse uma quantidade boa de saúde pra compartilhar com minha família, o anti engordante para as amigas que lutam contra a balança junto comigo e doses cavalares de paciência para pais e educadores.

Amigos blogueiros, gostaria de desejar a todos um Natal harmonioso, onde possamos lembrar do verdadeiro sentido da festa, e não somente trocar presentes. Ensinemos às crianças que Papai do Céu é mais importante que Papai Noel.
Um abraço fraterno.

21 de dez de 2012

Antes de morrer...

Minha amiga Viajante lançou o desafio nesse post, que foi aceito prontamente pela extraordinária Ariana Magalhães, que escreveu sobre O FIM. E eu agora deixo minhas impressões sobre o que faria sendo conhecedora da data finita da minha existência. Nada mais apropriado para o fiasco do dia de hoje.
Portanto, antes de morrer eu iria:
1. ESCREVER (bem óbvio, né?) Deixaria cartas, postagens programadas no blog, alteração de status no FB, mensagens de texto no celular... e por aí vai. Eu teria que abrir meu coração para aqueles que me afetam de algum modo.
2. PERDOAR E PEDIR PERDÃO. Não deve haver nada pior do que levar mágoa para o outro lado da vida. Se aqui já não vale a pena guardá-las... Não existe saldo negativo com ninguém, mas algumas pessoas precisam ouvir para se sentirem realmente perdoadas.
3. ANOTAR AS SENHAS. E entregá-las à minha irmã. Dos trocadinhos no banco aos segredos arquivados no meu notebook, ela herdaria e cuidaria de tudo.
4. DOAR MEUS PERTENCES. Agora que me mudei descobri que tenho muita tralha coisa, e por isso gostaria de livrar minha família da dolorosa função que é organizar as coisas de um morto. Então eu faria um cartaz dizendo "Doa-se Tudo!". rsrs Fico imaginando o entra-e-sai lá em casa: um carregando a TV, outro levando minhas panelas, mulheres com sacolas de roupa. kkkkkkkkk Será que alguém ia querer meus livros?
5. DISTRIBUIR MINHAS FOTOS. Tenho toneladas, sou do tempo em que se revelava fotos e adoro isso. Acho que meus amigos iriam gostar.
6. FALTAR AO TRABALHO. Ah, já que eu vou morrer mesmo, vou aproveitar pra queimar um dia sem justificativa. Seria estranho ligar pra avisar... "olha, libera os meninos, porque amanhã eu vou morrer!".
7. ESTOURAR O CARTÃO DE CRÉDITO. Todo bom maluco sonha em fazer isso, né não? Eu iria ao mercado e gastaria todo o limite comprando comida pra doar a instituições de caridade. Quando a fatura chegasse, eu estaria looooooonge.
8. TELEFONAR. Ligaria para todos os meus contatos e conversaria como se nada estivesse acontecendo, mas deixaria no ar um tom de despedida, agradecendo por ter conhecido cada um.
9. SEQUESTRAR BENTO. Passaria o dia todo grudada no meu filho, olhando para ele, tentando decorar cada detalhe do seu rosto e guardar seu cheirinho na memória pra lembrar pro resto da eternidade.
10. IR À PRAIA. Ao entardecer, usando um vestido longo, de mãos dadas com Preto de um lado e Bento de outro. Observaria o por do sol e refletiria sobre minha breve vida. Provavelmente acharia que é cedo para partir, mas me resignaria. E deitaria com a cabeça no colo dele, vendo Bento correr pela areia, esperando a Dona Morte chegar. Pensando bem, não deve ser tão ruím assim morrer na praia.

17 de dez de 2012

Blog da Semana - Edição final

No dia 09 de janeiro de 2012 eu, despretensiosamente, dava início ao projeto Blog da Semana. Com isso eu tive a grata surpresa de conhecer gente nova, blogs lindos, fofos, com conteúdo e autores muito simpáticos. Ao todo foram 42 postagens, onde quase sempre recebi um retorno carinhoso do dono do blog indicado e acabei ampliando minha rede de amigos na blogosfera.
Hoje não vou indicar um blog, vou deixar o link da Patrícia Galis, que já figurou aqui na nossa galeria, e que promoveu, juntamente com seus seguidores, um concurso para listar os 20 melhores blogs de 2012.

Dentre eles, o IMD \o/, que ganhou 31 votos (não me perguntem de quem, porque eu não faço ideia). Como eu também enviei minha listinha pra Patrícia, vou deixá-la aqui, pra vocês conferirem os meus 20 indicados. Por favor, quem não estiver na lista não fique triste, porque são muitos blogs bons e pessoas queridas, mas na verdade eu queria diversificar, colocar blogs que falassem sobre temas variados.
Aproveito para agradecer a todos que vieram aqui às segundas-feiras prestigiar os blogs indicados. Eu sempre dava uma olhadinha neles e percebia que haviam ganho mais seguidores, sempre as carinhas presentes aqui. Vocês fazem as coisas valerem a pena.
Encerro o projeto, prometendo uma novidade em 2013 para continuar divulgando os blogs que eu curto.

Um beijo enorme!

15 de dez de 2012

Projeto 4.0 #4

O projeto está quase chegando ao fim. Com sucesso, claro, mas esse mês eu dei um certo vacilo e chego ao dia da pesagem com 55,300kg. O saldo é positivo, porque pelo estipulado para o projeto só precisaria queimar 300gr, mas agora quero perder mais um quilinho, só pra ficar com saldo pra poder comer o que eu quiser nas férias de janeiro.
Não que eu vá sair por aí feito uma louca devorando todas as coisas das quais me privei nesses últimos 3 meses. Na verdade eu acho que ando com medo de comer. Certas coisas estão parecendo veneno. E na verdade são mesmo, né? Venenos deliciosos, que matam aos poucos.
Enfim, não quero ser a chata natureba de plantão até porque, dia desses eu comi um cachorro quente, no outro um super hambúrguer e ontem fui ao Mc Donald's. Ah, vai, senti que podia e não tive medo de morder a delícia. Que alegria!
Mas vamos em frente, porque a pesagem final é no mês que vem. Se não der pra perder mais 1kg, pelo menos que eu não ganhe nada nas festas de final de ano (#difícil) e consiga chegar ao meu aniversário de 40 anos com os meus tão sonhados 55kg.

Agora confiram como 3,700kg fazem diferença no meu rosto:

23 de setembro (bochechaaaaas)
09 de dezembro (adoooooro!)


11 de dez de 2012

O casório

Nossos convidados foram intimados a comparecer a um Chá de Cozinha, onde celebraríamos o Amor. A ideia inicial era fazer apenas um almoço para marcar a nossa "juntança". 
Mas as palpiteiras de plantão amigas começaram a me bombardear de todos os lados e eu, sugestionável que sou, acatei a maioria algumas ideias. Primeiro foi o vestido branco longo, em seguida os bem casados de lembrancinha, uma bênção feita por um religioso e por fim o buquê. Como diria minha tia Lai: "Quem já viu chá de cozinha assim?".
Foi uma trabalheira enorme porque fizemos quase tudo em casa. Minha sogra, minha mãe e a madrinha de Preto meu marido foram as cozinheiras que enfeitiçaram os convidados com seus temperos maravilhosos. Fizemos a decoração, compramos as bebidas, os ingredientes e cortamos quase mil quiabos (e os dedos também!).
Eu já não dormia há uma semana. #olheiras
Mas deu tudo certo, valeu muito a pena, porque foi tudo lindo, perfeito, mágico! Muito mais do que eu esperava. E o melhor foi ver a emoção no rosto das pessoas, que saíram felizes e com lágrimas nos olhos por terem celebrado conosco esse Amor.
As fotos oficiais ainda não ficaram prontas, mas vou dividir com vocês algumas imagens feitas por algumas amigas e o post lindo do meu vigário vigarista amigo Antonio Aruanda, que além de celebrar nossa união, também narrou a nossa tarde de domingo.

Maquiadora ansiosa pela festa!
Meu amigo irmão e guru Antonio Aruanda, iniciando a cerimônia
Caminhando juntos pro altar
Detalhe dos pezinhos da noiva. rsrs
As abençoadas.
Hora de jogar o buquê!
Eu, Preto e Bento.
Um mimo!
Um dia lindo!

6 de dez de 2012

A Playlist

Gente, os preparativos pro casório estão a todo vapor. Eu ando numa correria danada, já não durmo direito (imaginem as olheiras) e todo dia tem uma pendência pra resolver. Enfim, coisas de quem inventa fazer festa em cima da hora.
Ah, mas eu gosto!
A parte boa foi selecionar as músicas para a pequena cerimônia que realizaremos. Amo música e acredito que elas podem traduzir a vida de uma pessoa.
Então, vou deixar com vocês a lista de músicas que traduzem a minha história com Preto. Quem tiver sugestões, pode mandar.


















Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...